NOSSA HISTÓRIA

A Sertran nasceu vocacionada para o transporte de pessoas. Desde quando foi fundada, a companhia acumula experiência e conhecimento no transporte de passageiros. Sua fundação em 1996 nos acresce mais de 26 anos dedicados ao transporte de milhões de pessoas, o que a transformou em uma especialista em transportar vidas.

1996

Fundação da Sertran, na cidade de Sertãozinho (SP), atuando no mercado público e concessões.

1998

Início dos serviços de fretamento na cidade de Ribeirão Preto (SP).

2010

Aprimoramento na gestão corporativa, processos administrativos e expansão empresarial com entrada de sócios investidores.

2012

Início da concessão dos serviços de transporte coletivo em Ribeirão Preto (SP)

2013

Concessão do transporte coletivo de Santa Barbara D’Oeste (SP).

2014

-Recompra de 50% das cotas de participação do sócio investidor; -Início das operações de fretamento agroindustrial em Chapadão do Sul (MS).

2015

Início das operações agroindustriais em Dourados (MS) e Rio Brilhante (MS).

2017

Início das operações agroindustriais em Pedro Afonso (TO) e Nova Alvorada do Sul (MS).

2018

- Início da terceira etapa das operações agrícolas em Rio Brilhante (MS), e expansão das operações no polo Araraquara (SP) e Brotas (SP).

2019

- Início das operações no setor agroindustrial no polo Barra Bonita, Clementina (SP), e expansão no polo Brotas; - Início do transporte Escolar na cidade de Três Lagoas (MS).

2020

- Diversificação da carteira agroindustrial para o setor de silvicultura em Três Lagoas (MS), - Início das operações agrícolas em Araçatuba, Andradina e aumento da unidade de Igarapa (SP).

2021

- Diversificação das atividades agroindustriais para o setor de produção de sementes em Palmas (TO); - Início das operações agroindustriais em Santa Vitória (MG), Ivinhema (MS) e Angélica (MS); -Expansão das atividades agroindustriais na região de A

2022

- Redução da carteira pública com venda do contrato de concessão de Sta. Bárbara d'Oeste - SP); - Início de novas operações agroindustriais em: Colômbia (SP); Caarapo (MS) e Cajuru (SP); - Expansão das atividades agroindustriais em Sertãozinho (SP) e Ma